Giro

Brasileiros invadem Argentina em busca de gasolina mais barata

Crédito: Agência Brasil/Arquivo

Gasolina foi a principal vilã da inflação em novembro (Crédito: Agência Brasil/Arquivo)



Com a gasolina batendo na casa dos R$ 8 em alguns postos do País, brasileiros estão atravessando a fronteira de Foz do Iguaçu (PR) com Puerto Iguazú, na Argentina, para conseguirem combustível mais barato.

As autoridades argentinas resolveram limitar a retirada de combustível a no máximo 15 litros de gasolina. Com isso, os postos conseguem atender a demanda local, sem risco de desabastecimento, e diminuem as filas que estavam se formando nos últimos dias.

+ Vilões da Inflação: veja os 20 produtos que mais subiram de preço em 1 ano

Segundo a Folha de SP, o litro da gasolina em Puerto Iguazú é quase a metade do preço encontrado no Brasil. O litro varia entre 92,50 pesos e 95,20 pesos, o equivalente a R$ 3,15 e R$ 3,60, enquanto em Foz o litro gira a uma média de R$ 6,90.



Ainda segundo a reportagem, algumas pessoas até furam a barreira de litros por veículo pagando R$ 10 por fora para os frentistas. Em troca, conseguem encher o tanque.