Giro

Brasil registra recorde na média móvel de mortes por covid pelo 15º dia seguido

Crédito: Rovena Rosa/Agência Brasil

a média móvel de óbitos semanal bateu recorde pelo 15º dia consecutivo e ficou em 1.824 neste sábado (Crédito: Rovena Rosa/Agência Brasil)

O Brasil registrou 1.940 novas mortes pela covid-19 neste sábado, 13. Pela primeira vez em três dias, o País ficou abaixo na marca de duas mil vítimas do novo coronavírus. Por outro lado, a média móvel de óbitos semanal bateu recorde pelo 15º dia consecutivo e ficou em 1.824 neste sábado. Em comparação à média de 14 dias atrás, a variação foi de +51%, indicando tendência de alta nos óbitos pela doença.



No total, o Brasil tem 277.216 mortos. Já o número de novos casos neste sábado foi de 70.934. Com isso, o País atingiu a marca de 11.439.250 infectados. Os dados são do consórcio de veículos de imprensa formado por Estadão, G1, O Globo, Extra, Folha e UOL em parceria com 27 secretarias estaduais de Saúde, em balanço divulgado às 20h.

Governo do Rio anuncia que compra de 5 milhões de doses de vacina contra covid-19

Um ano após o reconhecimento oficial da pandemia, o Brasil vive o pior momento da doença com aumento de casos e mortes em praticamente todas as regiões. Já são 52 dias seguidos com a média móvel de mortes acima da marca de 1 mil. O Rio Grande do Sul registrou o maior balanço diário de mortes causadas pela covid-19, com 331 óbitos nas últimas 24 horas, segundo a Secretaria Estadual de Saúde. O recorde anterior era de 276 mortes, alcançado na última quinta-feira (11). No Paraná, 97% dos leitos de UTI para tratamento da doença no Sistema Único de Saúde (SUS) estão ocupados. Neste sábado, quase um terço das mortes registradas no dia veio da região Sul.

Diante do avanço da pandemia, governadores e prefeitos adotam medidas mais restritivas para conter a circulação de pessoas e evitar a disseminação do acelerada do vírus. Pela primeira vez desde o início da pandemia, Curitiba (PR) adotou o lockdown por nove dias para frear o vírus. No Ceará, as medidas mais restritivas passam a valer em todo o Estado.



Boletim quinzenal da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), divulgado na última quinta-feira, confirma a gravidade do momento, apontando alta taxa de ocupação de leitos, tendência de avanço nos casos de síndromes respiratórias e elevada participação do País no total de mortes causadas pela doença no mundo. O Brasil é a segunda nação com mais registros, atrás apenas dos Estados Unidos. Na contagem total de infectados, o País superou a Índia nesta sexta-feira, de acordo com o site Worldometers. No país asiático, porém, os índices de contágio estão em declínio.

O Estado de São Paulo registrou neste sábado 434 mortes por coronavírus. Na cidade de São Paulo, a secretaria de saúde municipal informou que a rede alcançou 83% de ocupação para leitos de UTI.

O balanço de óbitos e casos é resultado da parceria entre os seis meios de comunicação que passaram a trabalhar, desde o dia 8 de junho, de forma colaborativa para reunir as informações necessárias nos 26 Estados e no Distrito Federal. A iniciativa inédita é uma resposta à decisão do governo Bolsonaro de restringir o acesso a dados sobre a pandemia, mas foi mantida após os registros governamentais continuarem a ser divulgados.


Veja também
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Vídeo: Motorista deixa carro Tesla no piloto automático e dorme em rodovia de SP
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Lago Superior: a melhor onda de água doce do mundo?

Tópicos

A vacinação está lenta? animais coronavírus animais podem passar coronavírus BioNTech Brasil Brasil possui neste momento vacina para aplicar em toda a população? capitais vacinação colapso da saúde Com a chegada de mais vacinas como faço para me vacinar? coronavírus cura Covid variantes Covid-19 crise vacinação falta de doses falta vacina farmacêuticas FNP Frente nacional de prefeitos imunizantes brasil mortes Mutações covid Brasil mutações SP o Brasil tem dose pra vacinar todo mundo o que é variante? pandemia pandemia quantos já morreram? Pazuello Pazzuello pets hospedeiros Pfizer pool de farmacêuticas por que faltam vacinas? quais empresas fazem vacina? quais vacinas estão no brasil qual é a melhor vacina? quando a vacina pfizer chega ao Brasil? Quando o cronograma será ampliado? quantas farmacêuticas produzem vacina? quantas vacinas o Brasil tem? quantas vacinas tem no brasil? quantas variantes tem no Brasil saiba como entrar na fila da vacinação saiba como se ibnscrever para se vacinar Sanofi site vacinação uma pessoa poderá receber doses de fabricantes diferentes? vacina covid vacina doses mutações vacina Pfizer vacina pfizer é melhor que as outras? vacina pfizer eficácia vacina pfizer estudo israelence vacina pfizer israel vacina refrigeração vacinação araraquara vacinação cuiaba vacinação curitiba vacinação fevereiro vacinação paralisada vacinação passo a passo vacinação salvador vacinação são paulo vacinas vacinas qual a melhor? Hospedeiros