Economia

Brasil conquista o 2º lugar em competição internacional de ensino profissionalizante

Crédito: Divulgação

Bruno Gruner, do Senai, levou o ouro em Polimecânica e Automação (Crédito: Divulgação)

Enquanto o Brasil patina na educação tradicional, no ensino profissionalizante está entre os melhores do mundo. Ao menos é o que sugere a segunda colocação geral na WorldSkills, competição que reuniu 68 países na edição de 2017. O Brasil perdeu apenas para a Rússia.

O Senai e o Senac levaram 56  brasileiros para apresentarem suas capacidades técnicas em Abu Dhabi, entre os dias 15 e 18 de outubro. Ao todo, 1.200 jovens de todo o mundo competiram em 50 ocupações. O resultou foi anunciado nesta quinta-feira, 19.

“Estamos entre os melhores países do mundo e isso é importante para criar oportunidades para os jovens e competitividade para a as empresas”. declarou o presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Robson Braga de Andrade, por meio de uma nota.

O Brasil conquistou medalha de ouro em Mecatrônica, Eletricidade Industrial, Manufatura Integrada, Tornearia CNC, Polimecânica e Automação, Escultura em Pedra e Tecnologia de Mídia Impressa.



As medalhas de prata foram conquistadas nas ocupações Tecnologia da Moda, Joalheria, Construção de Estruturas Metálicas, Manutenção Industrial e Desenho Mecânico (CAD). Já as medalhas de bronze vieram da Marcenaria de Estruturas, Movelaria e Construção de Estruturas para Concreto.

Disparidade

O País, em rankings que avaliam a educação acadêmica, aquela tradicional de português, matemática, ciências, etc., não tem conseguido boas colocações. No Pisa (Programa Internacional de Avaliação de Estudantes, na sigla em inglês), o Brasil ficou na 63ª posição em ciências, na 59ª em leitura e na 66ª colocação em matemática. A prova foi aplicada em 70 países.

Por outro lado, o bom desempenho na WorldSkills, segundo a CNI, comprova a qualidade da educação profissional no Brasil, que, não é de hoje, vem conquistando boas colocações. Em 2016, por exemplo, abocanhou o primeiro lugar na competição.

Veja também
+ Como podcasts podem ajudar na educação financeira do brasileiro
+ Mistério: mulher descobre que não é a mãe biológica de seus próprios filhos
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Veja quanto custa comer nos restaurantes dos jurados do MasterChef
+ Leilão de carros e motos tem desde Kombi a Nissan Frontier 0km