Farol DINHEIRO

Bolsonaro vai torrar R$ 600 mil só para pintar avião presidencial

Decidido a fortalecer o pífio turismo no Brasil, o presidente Jair Bolsonaro, com toda a sua sabedoria, já encontrou a solução: pintar o avião presidencial. A nova pintura do Airbus A319 terá faixas nas cores da bandeira nacional e imagens de cartões postais do Brasil, como o Corcovado, no Rio de Janeiro, e alguma praia do Nordeste. Com isso, o presidente acredita que vai divulgar os atrativos turísticos do Brasil em suas viagens internacionais.

Na cabeça do Capitão Motosserra, viajar pelo mundo a bordo de um avião mais carnavalesco do que a Sapucaí será suficiente para atrair viajantes estrangeiros ao País. Afinal, o impacto positivo de um avião colorido é muito maior do que a repercussão negativa de anunciar aos quatro cantos do planeta que a preservação da Amazônia não importa.

Há, ainda, mais dois detalhes: 1. Alguém precisa avisar a Bolsonaro que, por motivos de segurança, as aeronaves presidenciais ficam estacionadas em locais isolados nos aeroportos. Ou seja, praticamente ninguém terá tempo de ver o que certamente será essa obra prima da arte na aviação.

2. Pintar um avião não é como pintar uma parede de casa. O custo para pintar uma aeronave como a presidencial é de cerca de US$ 100 mil (R$ 400 mil). Mas isso para o caso de uma pintura básica, toda branca. Se for uma pintura colorida e, ainda mais, com imagens, o preço pode passar dos US$ 150 mil (R$ 600 mil).

Deve ser divertido brincar de pintar avião com o dinheiro dos outros. No caso, o seu dinheiro, caro leitor.