Política

Bolsonaro está reunido com Guedes e Jorge Oliveira no Palácio da Alvorada

Crédito: AFP/Arquivos

(Arquivo) O presidente Jair Bolsonaro e o ministro Paulo Guedes (Crédito: AFP/Arquivos)


O presidente Jair Bolsonaro está reunido com o ministro da Economia, Paulo Guedes, e o ministro Jorge Oliveira, da Secretaria-Geral, no Palácio da Alvorada. O líder do governo no Senado, senador Fernando Bezerra (MDB-PE) também participa da reunião.

O encontro ocorre após um dia difícil para o mercado brasileiro motivado pelo receio ao coronavírus e após uma derrota do governo no Congresso, com a derrubada de veto presidencial.

Comissão de Assuntos Econômicos do Senado quer ouvir Paulo Guedes

Ministério de Paulo Guedes deu quase R$ 1 milhão em bônus a secretários

O Congresso derrubou o veto de Bolsonaro ao aumento da renda familiar para acesso ao Benefício de Prestação Continuada (BPC). A decisão tem grande impacto sobre as contas do governo criando uma despesa adicional de R$ 217 bilhões em 10 anos, segundo cálculos oficiais. O impacto corresponde a 27% da economia esperada no período com a reforma da Previdência aprovada pelo mesmo Congresso Nacional.

Nesta quarta-feira, no âmbito corporativo, a Bolsa de Valores voltou a cair e o dólar a subir em meio ao receio provocado pela disseminação do coronavírus, classificada hoje como pandemia pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

Pela segunda vez na semana, o circuit breaker foi acionado, o mecanismo interrompeu por 30 minutos a negociação de ativos na bolsa. Antes da interrupção, o Ibovespa registrou perda de 10,11%, indo aos 82.887,24 pontos, enquanto o dólar a vista renovou sucessivas máximas indo a R$4,73.

Na retomada da bolsa, o índice seguia em queda, forte embora fora dos dois dígitos no fechamento aos 85.171,13 pontos, com perda de 7,64%.