Giro

Bolsonaro entra com notícia-crime no STF contra Alexandre de Moraes

Bolsonaro entra com notícia-crime no STF contra Alexandre de Moraes

Presidente Jair Bolsonaro durante evento no Palácio do Planalto



Por Maria Carolina Marcello

BRASÍLIA (Reuters) – O presidente Jair Bolsonaro ingressou com ação no Supremo Tribunal Federal (STF) contra o ministro da corte Alexandre de Moraes alegando abuso de autoridade, de acordo com nota do presidente distribuída pelo líder do governo na Câmara, Ricardo Barros (PP-PR).

“Ajuizei ação no STF contra o ministro Alexandre de Moraes por abuso de autoridade, levando-se em conta seus sucessivos ataques à Democracia, desrespeito à Constituição e desprezo aos direitos garantias fundamentais”, diz o texto distribuído por Barros.

A nota acusa Moraes de conduzir uma “injustificada investigação” no inquérito das Fake News, que tem o presidente como um dos investigados, “quer pelo seu exagerado prazo, quer pela ausência de fato ilícito”.



O texto também afirma que o magistrado não permite que a defesa tenha acessos aos autos e que o inquérito não respeita o contraditório.

Além disso, a nota cita a investigação no STF contra Bolsonaro por uma live em que o presidente levantou dúvidas sobre a segurança das urnas eletrônicas.

“Mesmo após a PF ter concluído que o presidente da República não cometeu crime em sua live sobre as urnas eletrônicas, o ministro insiste em mantê-lo como investigado”, afirma o texto.


Procurados, o Palácio do Planalto e o STF não responderam de imediato a um pedido de comentário.

(Reportagem adicional de Carolina Pulice)

tagreuters.com2022binary_LYNXNPEI4H01R-BASEIMAGE