Finanças

Bolsas fecham em alta em NY, à espera de discurso de Trump no Congresso

As bolsas de Nova York terminaram o dia em alta nesta segunda-feira, 27, impulsionadas pelos setores de energia, financeiro e de defesa.

O dia começou em Wall Street com fraco apetite ao risco diante de uma semana recheada de indicadores importantes e antes do discurso do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, no Congresso, marcado para às 23h (de Brasília) de terça-feira, onde ele deve delinear suas prioridades políticas, incluindo uma simplificação do código fiscal e o sistema de saúde, disseram autoridades da Casa Branca no domingo.

Analistas apontam que o mercado ficará atento em busca de sinais sobre o rumo de sua política, algo que tem impulsionado os índices desde sua eleição em meio a promessas de cortes de impostos e aumento dos gastos com infraestrutura.

Além da cautela com o discurso de Trump, há também expectativa com a fala de Janet Yellen, presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA), marcada para acontecer na sexta-feira, e de outros dirigentes da instituição ao longo da semana.

Hoje, porém, a informação de que Trump irá propor em seu primeiro Orçamento um aumento de US$ 54 bilhões em gastos militares, o que representa um acréscimo de quase 10%, impulsionou o setor de defesa das bolsas de Nova York, também puxadas pelos setores financeiro e de energia.

A proposta inicial de Orçamento deverá ser divulgada em 16 de março e o documento fiscal completo é esperado para maio. Os papéis da Lockheed Martin subiram quase 2% e os da Raytheon avançaram 1,3%.

O índice Dow Jones terminou a sessão com ganho 0,08%, marcando seu 12º recorde consecutivo, maior sequência de altas desde 1987. O S&P 500 terminou com avanço de 0,10% e o Nasdaq subiu 0,28%. (Com informações da Dow Jones Newswires)

Veja também

+ Quarta parcela do auxílio sai hoje (14) para os nascidos em agosto

+ Cunhado de Maradona morre de Covid-19 na Argentina

+ Nazistas ou extraterrestres? Usuário do Google Earth vê grande ‘navio de gelo’ na costa da Antártida

+ Avaliação: Chevrolet S10 2021 evoluiu mais do que parece

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Carol Nakamura anuncia terceira prótese: ‘Senti falta de seios maiores’

+ Ex-Ken humano, Jéssica Alves exibe visual e web critica: ‘Tá deformada’

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?