Finanças

Bolsas da Europa operam positivas, com dados econômicos e possível alta de Trump

Crédito: Pexels

Índice pan-europeu Stoxx 600 operava em alta de 0,72%, a 365,29 pontos. Na mesma marcação, o índice Dax, de Frankfurt, exibia avanço de 0,61%, a 12.766,63 pontos (Crédito: Pexels)

As bolsas da Europa operam em alta nesta segunda-feira, 5, animadas por indicadores econômicos que superaram expectativas na zona do euro e de olho, também, na possível alta do presidente americano, Donald Trump. Segundo boletim médico divulgado ontem, o republicano pode deixar o hospital ainda hoje para seguir no tratamento contra a covid-19 na Casa Branca.

Às 06h59 (de Brasília), o índice pan-europeu Stoxx 600 operava em alta de 0,72%, a 365,29 pontos. Na mesma marcação, o índice Dax, de Frankfurt, exibia avanço de 0,61%, a 12.766,63 pontos.

+ Bolsas da Ásia fecham em alta, com investidor otimista com possível alta de Trump
+ Bolsa fecha em baixa de 1,53%, com perda de 3,08% na semana 

A manhã é de apetite por risco nos mercados europeus. Na seara macroeconômica, as vendas no varejo da zona do euro subiram 4,4% em agosto ante julho e 3,7% na comparação anual, segundo dados publicados pela Eurostat, a agência oficial de estatísticas da União Europeia. O resultado surpreendeu analistas consultados pelo Wall Street Journal, que previam avanço mais contido, de 2,5% na comparação mensal.



Já o índice de gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) composto do bloco, embora tenha caído de 51,9 em agosto para 50,4 em setembro, menor leitura em três meses, recuou menos do que a expectativa de queda a 50,1 pontos.

Os indicadores ampliaram os ganhos de mais cedo, quando já havia otimismo no mercado internacional diante da aparente melhora no estado de saúde do presidente Trump.

A alta do petróleo também ajuda no tom, com a British Petroleum subindo 1,45%, no horário acima, na bolsa de Londres, levando o índice FTSE 100 a subir 0,65%, a 5.940,60 pontos.

Entre outras praças do continente, o índice CAC 40, de Paris, avançava 0,73%, a 4.860,20 pontos. O FTSE MIB, de Milão, se fortalecia 0,56%, a 19.171,32 pontos. Já o Ibex 35, de Madri, ganhava 0,96% a 6.819,40 pontos, e o PSI 20, de Lisboa, 0,83%, a 4.121,04 pontos.

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel