Finanças

Bolsas da Ásia registram ganhos, com Tóquio na máxima de fechamento em 30 anos

Crédito: Pixabay

Em Tóquio, o índice Nikkei registrou alta de 0,82%, a 28.756,86 pontos, no nível de fechamento mais elevado desde agosto de 1990 (Crédito: Pixabay)

As bolsas asiáticas registram ganhos em sua grande maioria nesta quinta-feira, 21, após a posse do presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, reforçar a expectativa por estímulos fiscais no país. A Bolsa de Tóquio foi destaque, no dia em que o Banco do Japão (BoJ, na sigla em inglês) manteve a política monetária, mas reforçou a política favorável a estímulos monetários.

Em Tóquio, o índice Nikkei registrou alta de 0,82%, a 28.756,86 pontos, no nível de fechamento mais elevado desde agosto de 1990. Ações do setor de eletrônicos puxaram os ganhos. Na política monetária, o presidente do BoJ, Haruhiko Kuroda, disse que o banco central adotará mais medidas de relaxamento, se necessário, e comentou que o BoJ deve fazer uma revisão sobre potenciais efeitos colaterais da estratégia atual em sua reunião de março. Apesar dos ganhos do mercado acionário, o número elevado de mortes pela covid-19 no Japão segue no foco dos investidores.

+ Na contramão de NY, Bolsa fecha em baixa de 0,82%, aos 119.646,40 pontos

Na China, a Bolsa de Xangai fechou em alta de 1,07%, em 3.621,26 pontos, e a de Shenzhen, de menor abrangência, subiu 1,53%, a 2.563,32 pontos. A tendência positiva recente no mercado local tem sido impulsionado por um rali de ações ligadas a energias renováveis.



Em Hong Kong, o índice Hang Seng terminou com baixa de 0,12%, em 29.927,76 pontos. O Wall Street Journal destaca o fato de que a praça local atingiu recentemente máximas em 20 meses, com recordes de volumes negociados. O diário aponta como causa para isso o fato de que investidores da China continental têm buscado Hong Kong como alternativa, a fim de buscar ações baratas e também não disponíveis no mercado local.

Na Coreia do Sul, o índice Kospi fechou em alta de 1,49%, em 3.160,84 pontos, em sua terceira sessão positiva seguida. Papéis de eletrônicos, ligados à internet e de montadoras puxaram os ganhos em Seul, com a perspectiva de estímulos nos EUA também ajudando. LG Electronics subiu 11%, ainda apoiada pela notícia de sua potencial saída do negócio pouco lucrativo para ela de smartphones. Em Taiwan, o índice Taiex teve ganho de 2,20%, a 16.153,77 pontos.

Na Oceania, o índice S&P/ASX 200 subiu 0,79% na Bolsa de Sydney, a 6.823,70 pontos. O pregão da Austrália foi beneficiado pela notícia de que o país já recuperou 90% dos empregos perdidos com a pandemia. Ações de tecnologia, consumo e finanças lideraram os ganhos. (Com informações da Dow Jones Newswires).

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel