Negócios

Boeing reavalia compra de divisão de aviação comercial da Embraer, diz jornal

Crédito: AFP/Arquivos

A mudança de rumo, de um acordo no valor de mais de US$ 4 bilhões, está associada ao pedido de socorro da fabricante de aviões norte-americana (Crédito: AFP/Arquivos)

Além das companhias aéreas sofrerem com a pandemia do coronavírus, a indústria aeronáutica começou a dar sinais de que a Covid-19 terá grandes impactos no setor aeroespacial como um todo. Segundo o site do jornal Folha de São Paulo, a Boeing está reavaliando a aquisição da divisão de aviação comercial da Embraer.

A mudança de rumo, de um acordo no valor de mais de US$ 4 bilhões, está associada ao pedido de socorro da fabricante de aviões norte-americana. A companhia solicitou ao governo dos Estados Unidos uma ajuda de US$ 60 bilhões ao setor aeroespacial.

+ Cade nega novo recurso do MPF e mantém aprovação da operação Boeing/Embraer 

Segundo o site da Folha, fontes afirmam que a brasileira Embraer não recebeu notificações sobre qualquer alteração no acordo. Pelo lado da Boeing, há intenção de concluir a compra, mas a crise do coronavírus está pesando.

 

Veja também

+ Receita abre consulta a segundo lote de restituição de IR, o maior da história
+ Homem encontra chave de fenda em pacote de macarrão
+ Baleias dão show de saltos em ilhabela, veja fotos!
+ 9 alimentos que incham a barriga e você não fazia ideia
+ Modelo brasileira promete ficar nua se o Chelsea for campeão da Champions League
+ Cuide bem do seu motor, cuidando do óleo do motor
+ 12 dicas de como fazer jejum intermitente com segurança