Negócios

Boeing instala motores no maior avião do mundo; veja o vídeo

Peças da General Electric foram acopladas ao Boeing 777X no início desta semana; modelo deve fazer primeiro voo de teste até março

Boeing instala motores no maior avião do mundo; veja o vídeo

Imagens da instalação das turbinas foram divulgadas no início da semana pela Boeing

A Boeing anunciou o início da instalação das duas turbinas GE9X no modelo 777X, o maior avião comercial do mundo em desenvolvimento. As imagens foram divulgadas no início desta semana. Cada uma das peças tem 3,4 metros de diâmetro e devem ser mais econômicas que a versão anterior, o GE90, usado atualmente nos Boeing 777.

777X GE9X Engine Hang

Now that’s a big engine! We recently installed both GE9X engines on the first #777X flight test airplane. Designed specifically for the 777X by GE, the engines have the largest fan ever produced for a commercial jet! Check out some beauty shots of the install.

Posted by The Boeing Company on Friday, January 4, 2019

Mesmo com o maior tamanho, o modelo GE9X não será o mais potente. A peça terá capacidade de 105 mil libras de empuxo, contra as 115 mil libras da versão anterior. Estima-se que a Boeing tenha desembolsado US$ 2 bilhões na projeção dos novos modelos.

A previsão é que os testes iniciais do 777X sejam feitos ainda no primeiro trimestre deste ano. O lançamento comercial está estimado para 2020, com 150 unidades já encomendadas pela Emirates.

Asas mais largas que um campo de futebol

Ele será o maior avião da linha triple seven, e o mais comprido feita pela empresa. O objetivo é de que ele substitua o 777-30ER, modelo de enorme sucesso da família, que se tornou padrão para aéreas de realizam voos de longas distâncias.

O modelo se tornou também o primeiro avião comercial a jato com asas dobráveis. As pontas são retraídas em solo, passando para 68,8 metros, ligeiramente maior que a largura de um campo de futebol padrão FIFA, que tem 68 metros de largura. A medida foi tomada para que o 777-9 possa operar em aeroportos que já recebiam seus antecessores da linha 777.