Negócios

Boeing com novos problemas: asa de centenas de aviões pode ter defeito

Segundo a Boeing, vinte 737 Max e vinte um 737 Next Generation são os mais prováveis a terem "as peças [defeituosas] em questão"

Crédito: AFP/Arquivos

Funcionários da Boeing trabalham em um 737 MAX na fábrica do grupo em Renton, estado de Washington (Crédito: AFP/Arquivos)

A Boeing divulgou nota neste domingo (2) em que diz que uma leva de aviões da linha 737 (a mesma do modelo Max, pivô de polêmica mundial e atualmente impedido de voar comercialmente) foram entregues pela empresa com slats “potencialmente fora dos conformes”. O comunicado coloca em xeque a segurança de centenas de 737’s, incluindo 159 unidades do modelo Max, adicionando novo capítulo para o ano infernal que a empresa vem passando.

Os slats são partes móveis da asa, que ficam na parte de frente e auxiliam na hora da decolagem e aterrissagem, aumentando ou diminuindo a pressão do ar. Um erro nesta peça pode causar falta de controle do piloto em momentos chave do voo. Segundo a Boeing, vinte 737 Max e vinte um 737 Next Generation são os mais prováveis a terem “as peças [defeituosas] em questão”.

Mas para além das 41 aeronaves em que a Boeing disse ter preocupações, a empresa de Seattle avisou todas as outras empresas que operam os modelos a realizarem checagens de precaução. A empresa não divulgou o nome da fornecedora das peças.



Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel