Economia

BNDES aprova condições de financiamento para leilões de transmissão

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) informou que a sua diretoria aprovou as condições de financiamento para os investimentos dos vencedores dos leilões de transmissão de energia elétrica a serem realizados em 2017. O próximo leilão da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) será em 24 de abril, com estimativa de investimentos de R$ 13,1 bilhões.

O banco de fomento destacou que a divulgação antecipada das condições permite aos participantes do leilão definir estimativas de custos e suas estratégias de lances de oferta, com base nos juros e prazos definidos para o financiamento.

“Dessa forma, o BNDES cumpre seu papel de apoio à expansão do Sistema Interligado Nacional (SIN) e, ao mesmo tempo, incentiva a competição e a atração de investimentos para o certame”, diz em nota.

A participação máxima do banco será de até 80% de todos os itens financiáveis do projeto, que terá que contar com pelo menos 20% de aporte de recursos próprios do empreendedor, conforme as Políticas Operacionais (POs) vigentes. O financiamento será em IPCA. O prazo de amortização é de até 20 anos, pelo sistema price.



O projeto poderá contar com recursos a TJLP para aquisição de máquinas e equipamentos (Finame), na qual a participação máxima do BNDES será de até 60% dos itens financiáveis. Nesse caso, o prazo de amortização é em até 14 anos, também pelo sistema price.

A remuneração básica do BNDES nos dois casos é de 1,7% ao ano. Já a remuneração de risco é de 3,37% ao ano, conforme o risco de crédito do cliente.

O banco de fomento informou ainda que também poderá subscrever até 100% da emissão de debêntures de infraestrutura realizada pelo concessionário, conforme a necessidade de captação de recursos do projeto.

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel