Geral

Bloomberg: Saudi Aramco reinicia projeto para o maior IPO de todos os tempos

Estatal de petróleo da Arábia Saudita pode alcançar investimentos de US$ 100 bilhões. Venda de ações já havia sido anunciada em 2016 e cancelada no ano passado

Bloomberg: Saudi Aramco reinicia projeto para o maior IPO de todos os tempos

A Arábia Saudita está retomando os processos para o lançamento da oferta pública inicial (IPO, na sigla em inglês) da sua estatal de petróleo, a Saudi Aramco, segundo informações da Bloomberg nesta terça-feira (2). O governo saudita anunciou a abertura de capital em 2016, porém voltou atrás e suspendeu os trâmites em agosto de 2018 afirmando que o projeto seria continuado em outro momento.

A previsão é que o governo saudita venda até 5% das ações, somando US$ 100 bilhões. Caso seja concretizado, este será o maior IPO da história. Segundo a reportagem, o governo espera investir o dinheiro na modernização da economia saudita e se distanciar da dependência do petróleo.

De acordo com a Bloomberg, executivos da empresa – a mais lucrativa do mundo com faturamento de US$ 111 bilhões no ano passado -, estão em negociação com bancos de investimento para discutir possíveis ações de oferta. O IPO pode ocorrer ainda este ano ou no início de 2020, afirmaram fontes próximas as negociações.

A Saudi Aramco estava originalmente conversando com a Evercore Inc., a Moelis & Co., a HSBC Holdings Plc, a JPMorgan Chase & Co. e a Morgan para a venda de ações. No entanto, não há confirmação se as novas negociações incluem estes mesmos parceiros.

No entanto, a abertura de capital pode esbarrar em algumas pendências, como a capacidade da empresa de atingir a valorização esperada de US$ 2 trilhões. A baixa do mercado de petróleo e a crescente preocupação com a preservação ambiental também podem afastar possíveis investidores de uma companhia baseada em combustíveis fósseis, citou a Bloomberg.

 

Tópicos

IPO Saudi Aramco