Edição nº 1100 14.12 Ver ediçõs anteriores

A verdade sobre as emissões

A verdade sobre as emissões

O empresariado está consciente da necessidade de se evoluir para uma economia de baixo carbono. Porém, o nível de esforço ainda não é suficiente. A conclusão é do Carbon Disclosure Project (CDP), organização sem fins lucrativos que promove a necessidade das empresas de divulgarem seus riscos ambientais. A entidade apresentou um relatório sobre a América Latina, na semana passada, que contou com a participação de 115 empresas. Somando-se todos os projetos de redução de impacto ambiental relatados, 19,3 milhões de toneladas de carbono foram evitadas, o que representa 7% das emissões de CO2 das companhias participantes. Na América Latina, apesar de 59% dos participantes estabelecerem metas para redução das emissões, menos de 10% deles desenvolveram programas de longo prazo e padrões globais de medição, que consideram não apenas a própria operação, mas também o setor.

“Essa falta de visão de longo prazo indica que as empresas ainda não consideram de maneira estratégica a necessidade de transição para o baixo carbono”, diz o relatório. Os projetos direcionados à eficiência energética, que têm rápido retorno financeiro, são os mais relatados pelas empresas, representando 44% do total. Esse tipo de divulgação tem ganhado importância na atração de recursos. O CDP é apoiado por uma rede de investidores que representam mais de US$ 100 trilhões em ativos. “Os investidores estão mais focados do que nunca em saber quem serão os vencedores e os perdedores da transição para a economia de baixo carbono, pois prevê-se que trilhões de dólares em ativos estarão em risco por causa das mudanças climáticas”, afirma Paul Simpson, CEO da entidade.

(Nota publicada na Edição 1002 da Revista Dinheiro)


Mais posts

Descarte de vidro ganha um aliado

Embora produzido com elementos naturais, como a sílica, presente na areia das praias, o vidro leva quatro mil anos para se decompor e [...]

Brasil abriga 453 garimpos ilegais

A Amazônia brasileira conta com 453 garimpos ilegais. Isso é o que indica um estudo apresentado na segunda-feira 10 pela Raisg (Rede [...]

O troca-troca dos índios com os ruralistas

Um levantamento do jornal O Estado de S. Paulo, realizado a partir de dados fornecidos pela Fundação Nacional do Índio (Funai), [...]

Sorriso Solidário

O Instituto Sorridents, braço social da rede odontológica Sorridents, promoveu um jantar beneficente no Clube Homs, hotel em São Paulo, no último dia 28 de novembro. Com apoio de empresas como Nutty Bavarian, Bauducco, Cacau Show e Le Postiche, a ação reuniu 300 pessoas que participaram do leilão de produtos diversos, diárias em Spa, camisas […]

Desigualdade volta a crescer

Segundo pesquisa da ONG Oxfam Brasil, encomendada ao Instituto Datafolha, o Brasil passou da décima para a nona colocação no ranking das nações mais desiguais do mundo. O relatório “País Estagnado: Um Retrato das Desigualdades Brasileiras”, divulgado em 26 de novembro, mostra que, depois de 15 anos consecutivos de melhoria, a desigualdade de renda aumentou […]

Ver mais
X

Copyright © 2018 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicaçõs Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.