Motor limpo

Motor limpo

A Scania, fabricante sueca de caminhões e ônibus, traz ao Brasil o seu motor adaptado para a geração de energia em empresas. A companhia está lançando localmente o seu novo motor a gás natural, para ser utilizado em plantas elétricas. O motor pode reduzir em 90% as emissões de gás carbônico, se for abastecido com biogás, e reduzir os custos de operação em até 40%.

(Nota publicada na Edição 992 da Revista Dinheiro)

Veja também

+ Receita abre consulta a segundo lote de restituição de IR, o maior da história
+ Homem encontra chave de fenda em pacote de macarrão
+ Baleias dão show de saltos em ilhabela, veja fotos!
+ 9 alimentos que incham a barriga e você não fazia ideia
+ Modelo brasileira promete ficar nua se o Chelsea for campeão da Champions League
+ Cuide bem do seu motor, cuidando do óleo do motor
+ 12 dicas de como fazer jejum intermitente com segurança


Mais posts

Mais pneus durante a pandemia

Mesmo durante a pandemia a Reciclanip mantém suas operações. “Apesar da queda abrupta de 74,6% nas vendas de pneus em abril, com o [...]

O capital quer proteger a Amazônia

Um grupo de investidores internacionais cuja carteira de ativos soma US$ 3,75 trilhões (cerca de R$ 20 trilhões) enviou uma carta [...]

Curso gratuito sobre transtornos de aprendizagem

O Instituto ABCD está oferecendo em seu site (https://www.institutoabcd.org.br/todos-aprendem/) um curso gratuito de formação [...]

O sol brilha no saneamento

A BRK Ambiental, empresa do setor de saneamento básico, iniciou as operações da usina de energia solar de Timon, no Maranhão, com [...]

Catadores movidos a eletricidade

A Nestlé anunciou a doação de triciclos elétricos para catadores de São Paulo que trabalham com o app Cataki. Sem fins lucrativos, a [...]
Ver mais

Copyright © 2020 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicaçõs Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.