Coluna

Locação cresce nas férias

Locação cresce nas férias

Caio Ribeiro é diretor de Classificados do MercadoLivre Brasil

A locação de imóveis para as férias dobrou de tamanho na temporada de 2015 no País. Segundo a pesquisa anual realizada pelo MercadoLivre Clasificados com internautas, essa opção dobrou de tamanho, nos últimos 12 meses, passando dos 7% verificados em janeiro de 2015, para os 14% registrados neste ano. 

Ao mesmo tempo, a opção de se hospedar em hotel ou pousada caiu de 57% em 2014 para 43%. “Esse crescimento ocorre por conta do aumento da oferta de imóveis para locação por temporada proporcionada pela internet, resultado da facilidade atual de acesso por meio de smartphones e tablets”, afirma Caio Ribeiro, diretor de Classificados do MercadoLivre Brasil. “Isso faz  com que as pessoas busquem mais opções online e comparem preços de forma simples e rápida.”

Segundo Ribeiro, a maior procura resultou no aumento do valor da diária dos imóveis alugados. Em 2016, cerca de  40% dos participantes da pesquisa estimam pagar entre R$ 100 a R$ 200 por dia – no ano passado, a parcela de pessoas que gastariam o mesmo valor era de 25%. 

Mesmo assim, a locação costuma compensar para quem opta pelo turismo interno, nestes tempos de viagens internacionais proibitivas. “Ao comparar preços, o usuários encontram opções melhores, dividindo muitas vezes a diária com outras pessoas”, diz. “Dessa forma, o aluguel se transforma numa opção mais barata, na comparação com hotéis e pousadas.”