Edição nº 1134 19.08 Ver ediçõs anteriores

Ausência de Marina

Os dados preliminares da sexta-feira indicam que a Bolsa está fechando com uma queda de 2,3%, com o Índice Bovespa abaixo de 57 mil pontos.

Esse valor indica que o principal indicador do mercado acionário brasileiro cedeu os ganhos dos últimos 30 dias e retornou aos níveis anteriores à morte de Eduardo Campos.

A avaliação é simples: o mercado subitamente percebeu que o PT não poupará esforços para destruir a imagem de Marina.

A estratégia da propaganda eleitoral é bater pesado, e o calibre do chumbo deverá aumentar nas três semanas que faltam para o primeiro turno.

Vale tudo: de dizer que a proposta de Marina de garantir a independência do Banco Central equivale a entregar o País aos banqueiros, até compará-la a Fernando Collor de Mello, aliás, aliado do PT no governo.

Essa campanha pesada em termos éticos justifica-se porque a primeira impressão é que o ataque funcionou. Marina parou de subir na preferência do eleitorado e Dilma oscilou para cima.

Com isso, a certeza de derrota do PT nas eleições, que vinha embalando altas de mais de 33% nas ações de estatais como Petrobras e Banco do Brasil, deu lugar à dúvida se Dilma pode permanecer ou não, tudo o que os investidores não querem ouvir.

Para as próximas semanas o cenário deve ser de uma crescente volatilidade nos mercados, ao sabor das cada vez menos conclusivas pesquisas eleitorais.


Mais posts

Por que a Lush vai fechar as portas no Brasil de novo

Quatro anos após ter reiniciado suas atividades no Brasil, a empresa britânica de cosméticos de luxo Lush está fechando as portas de [...]

Bradesco venderá previdência pelo celular

A Bradesco Vida e Previdência vai aproveitar uma mudança na regulamentação do mercado e, a partir do dia 29 de janeiro, começa a distribuir planos de previdência privada pelo celular. No dia 26 de janeiro entra em vigor uma resolução do Conselho Nacional dos Seguros, que dispensa as empresas de registrar os contratos por meio […]

Bradesco vende mais previdência usando a tradicional promoção

Isenção da taxa de carregamento em novos aportes elevou vendas de novembro em 38%

Gestor de fundos imobiliários questiona taxas cobradas pelo Credit Suisse

André Freitas, da Hedge Investments, solicita convocação de assembleia para reduzir taxas de 1,5% para 0,6%

Saída de Maria Silvia do BNDES já era esperada, diz analista

Já era esperado o pedido de demissão de Maria Sílvia Bastos Marques da presidência do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e [...]
Ver mais