Coluna

20 anos de Real Duas décadas de juros altos

Taxa média real foi de 18% ao ano

Na segunda-feira, dia 30 de junho, o Plano Real vai completar duas décadas. Dizer que o único plano bem sucedido de estabilização econômica foi uma coisa só é um exagero: houve fases de euforia e outras de depressão, momentos ocasionais de pânico e diversas correções de rumo ao longo desses anos.

Só uma coisa se manteve constante: os juros altos. Segundo um levantamento da Economática, a taxa de juros acumulada acima da inflação nesse período foi de 631,7%, considerando-se a variação de preços medida pelo IPCA.

Na ponta do lápis, isso quer dizer que os juros reais foram, em média, de 18% ao ano, o que tornou as aplicações na renda fixa as mais rentáveis do período.

Veja também

+ Receita abre consulta a segundo lote de restituição de IR, o maior da história
+ Homem encontra chave de fenda em pacote de macarrão
+ Baleias dão show de saltos em ilhabela, veja fotos!
+ 9 alimentos que incham a barriga e você não fazia ideia
+ Modelo brasileira promete ficar nua se o Chelsea for campeão da Champions League
+ Cuide bem do seu motor, cuidando do óleo do motor
+ 12 dicas de como fazer jejum intermitente com segurança