Finanças

Bitcoin bate novo recorde e atinge a marca de US$ 60 mil

Crédito: Pexels

O valor atual da criptomoeda é o triplo do registrado há três meses (em meados de dezembro, valia US$ 20 mil, equivalente a R$ 111 mil) (Crédito: Pexels)

O bitcoin bateu mais um recorde neste sábado (13). A criptomoeda atingiu a marca de US$ 60 mil, o equivalente a R$ 333,8 mil.

Por volta das 16h (horário de Brasília), o bitcoin era cotado a US$ 60,174.92, em alta de 5,10%. Em 21 de fevereiro, a criptomoeda havia registrado seu segundo maior recorde: US$ 58.354,14.

+ Bill Gates critica Bitcoin e forma como criptomoeda é negociada

Segundo o G1, analistas consideram que a criptomoeda está subindo por conta da iminente chegada de recursos dentro plano de estímulo norte-americano assinado por Biden, que aumentará as chances de investidores adquirirem bitcoins.

O valor do bitcoin vem crescendo constantemente. De acordo com a Folha de S.Paulo, o valor atual é o triplo do registrado há três meses (em meados de dezembro, valia US$ 20 mil, equivalente a R$ 111 mil).

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel