Agronegócio

Biosev fecha venda da usina Giasa à M&N Participações por R$ 70 milhões

Ribeirão Preto, 09 – A Biosev informou nesta sexta-feira, 9, em comunicado, que fechou a venda da unidade Giasa à M&N Participações S/A, controladora do Grupo Olho D’Água, por R$ 70 milhões. A transação abrange o ativo biológico – composto por cerca de oito mil hectares de cana-de-açúcar – e o patrimonial, com instalações industriais, equipamentos agrícolas e imóveis da unidade localizada no município de Pedras de Fogo (PB). A negociação foi antecipada pelo Broadcast, sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado, em 21 de setembro.

Controlada pela da Biosev desde 2007, a Giasa tem capacidade de moagem anual de 1,2 milhão de toneladas de cana-de-açúcar por safra. Também em setembro, companhia havia vendido a unidade Estivas, em Arenz (RN), à Pipa Agroindustrial Ltda., por R$ 203,6 milhões. Com a venda das duas plantas sucroenergéticas na Região Nordeste, a Biosev informou que irá concentrar suas operações na região Centro-Sul do Brasil.

“A concretização desse negócio está alinhada com nosso programa de competitividade operacional, que inclui a revisão estratégica do nosso portfólio de ativos. A venda da Giasa irá contribuir para a empresa ganhar mais eficiência e melhorar a geração de caixa, direcionando o nosso foco para as unidades com maior sinergia operacional”, informou Juan José Blanchard, presidente da Biosev.

A operação tem a aprovação do Conselho de Administração da Biosev e será submetida à análise dos órgãos reguladores do setor, em atendimento às exigências previstas para esse tipo de negócio.