Negócios

Bill Gates diz que seu maior erro foi não conseguir competir com o iOS da Apple

Pai do sistema Windows disse que se arrepende de não focar os esforços no segmento, que posteriormente foi dominado pelo Google com o lançamento do Android

Bill Gates diz que seu maior erro foi não conseguir competir com o iOS da Apple

Microsoft chegou a lançar um sistema operacional ainda nos anos 2000, chamado de Windows Mobile, mas não decolou tanto quanto a estreia do iOS no iPhone, em 2007

A omissão da Microsoft em criar um sistema operacional para competir com o iOS da Apple foi elencado por Bill Gates como o maior erro da sua carreira. Em recentes entrevistas, o pai do sistema Windows disse que se arrepende de não focar os esforços da gigante da tecnologia no segmento, que posteriormente foi dominado pelo Google com o lançamento do Android.

A Microsoft chegou a lançar um sistema operacional ainda nos anos 2000, chamado de Windows Mobile, mas não decolou tanto quanto a estreia do iOS no iPhone, em 2007. Um ano depois, o Google divulgou o sistema Android, polarizando com a companhia de Steve Jobs o segmento de sistemas operacionais. Atualmente, o Android é o sistema mais popular dos EUA, presente em 85% de aparelhos móveis, segundo dados da Statista.

“O maior erro de todos os tempos foi o que eu cometi e que levou a Microsoft a não ser o que o Android é. O Android é a plataforma telefônica padrão que não é da Apple. Há espaço para apenas um sistema operacional não-Apple”, disse o bilionário em uma recente entrevista à empresa de capital de risco Village Global.

Gates voltou a comentar o assunto nesta segunda-feira (24) durante uma palestra no Economic Club, em Washington. Ele afirmou que se deixou distrair pelo julgamento de antitruste que a Microsoft enfrentava nos anos 2000 e não deu atenção suficiente para o novo modelo de tecnologia. Na época, a companhia era processada pelo Departamento de Justiça dos EUA por práticas ilegais e anticompetitivas.

“Fomos distraídos durante o julgamento antitruste. Não atribuímos as melhores pessoas para fazer o trabalho. Então, foi o maior erro que cometi em termos de algo que estava claramente dentro de nosso conjunto de habilidades. Nós éramos claramente a empresa que deveria ter alcançado isso, e não fizemos”, afirmou.