Economia

Biden comemora ‘grande avanço’ após acordo com UE sobre Boeing e Airbus

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, comemorou o “grande avanço” na disputa comercial com a União Europeia (UE) por subsídios a Boeing e Airbus, que fica suspensa após acordo anunciado nesta terça-feira, 15. “Tanto os EUA quanto a UE concordaram em suspender tarifas por cinco anos e nos comprometemos a garantir condições equitativas para nossas empresas e nossos trabalhadores”, afirmou, em comunicado.

Biden acrescentou que os dois lados concordaram ainda em trabalhar juntos para conter as “práticas não mercantis da China”. “Os EUA e a UE trabalharão juntos de maneiras específicas que refletem nossos altos padrões, incluindo a colaboração em investimentos internos e externos e transferência de tecnologia”, ressaltou.

Em viagem pela Europa desde a semana passada, o democrata afirmou também que tem salientado aos parceiros tradicionais que precisam cooperar em prol de causas comuns, como a concorrência justa e a transparência. “O anúncio de hoje demonstra exatamente como isso pode funcionar na prática”, pontuou, de acordo com a nota.



Veja também
+ Até 2019, havia mais gente nas prisões do que na bolsa de valores do Brasil
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Veja quanto custa comer nos restaurantes dos jurados do MasterChef
+ Leilão de carros e motos tem desde Kombi a Nissan Frontier 0km