Tecnologia

Bezos não quer envelhecer, e paga pra ver

Crédito: Arte em Bezos: Ricardo Ivanov

Parece que Jeff Bezos, fundador da Amazon e segundo cidadão mais rico do mundo (pelo menos esta semana), com fortuna de US$ 175 bilhões, quer enganar a morte. O dinheiro não compra tudo, mas pode ser investido em se tentar não envelhecer, por exemplo.

+ Durante a pandemia, Jeff Bezos ganhou dinheiro suficiente para vacinar o mundo inteiro
+ Jeff Bezos compra mansão de R$ 432 mi para passar férias no Havaí

Depois de uma conferência na mansão do bilionário nascido na Rússia Yuri Milner (alguns participaram por vídeo) em que o tema foi como a biotecnologia poderia ser usada para fazer as pessoas ficarem mais jovens, US$ 3 bilhões caíram na conta da recém-fundada Altos Labs — boa parte saiu do bolso de Bezos.

A companhia quer reprogramar células em laboratórios para revitalizar corpos inteiros de animais e, por tabela, servir para prolongar a vida humana. Entre os especialistas na empreitada está Juan Carlos Izpisúa, biologista espanhol que acredita que a vida humana pode ser aumentada em 50 anos. É preciso só avisar Bezos que seus voos espaciais a bordo da Blue Origin não evitam “degradação celular”, caso o foguete exploda.