Giro

Belarus rejeita candidatura presidencial de opositor detido

Belarus rejeita candidatura presidencial de opositor detido

Os candidatos considerados os mais fortes adversários do presidente de Belarus, Alexander Lukashenko, na disputa eleitoral em agosto foram barrados - POOL/AFP

A Comissão Eleitoral de Belarus (ou República da Bielorrússia) rejeitou, nesta terça-feira (14), a candidatura para as eleições presidenciais de agosto de Viktor Babaryko, um opositor detido considerado o principal adversário do presidente Alexander Lukashenko.

A candidatura deste ex-banqueiro, de 56 anos, foi rejeitada, porque ele não teria declarado toda sua renda e teria recebido financiamento estrangeiro para sua campanha.

Segundo os investigadores, Viktor Babaryko foi preso em meados de junho sob suspeita de ser o chefe de um “grupo organizado”, acusado de “fraude” e de “lavagem de dinheiro”, pelo Banco Belgazprombank, filial do gigante russo do gás Gazprom, do qual foi presidente.

A ONG Anistia Internacional o classificou como um “preso de consciência”.

Sua detenção deflagrou um movimento de protesto pacífico, reprimido com dezenas de detenções.

Minsk acusou tanto o Ocidente, quanto a Rússia, de tentarem interferir nas eleições. No caso de Moscou, o presidente Lukashenko insinuou que estava por trás da candidatura de Viktor Babaryko.

No total, a comissão registrou, nesta terça, cinco candidatos às eleições de 9 de agosto. Entre eles, está Alexander Lukashenko, de 65 anos, que aspira a um sexto mandato à frente desta antiga república soviética de nove milhões de habitantes.

Veja também

+ Bolsonaro posta foto com filha e rebate crítica: “Já tomou Caracu hoje?”

+ Faça em casa receita de pudim com milho e leite condensado

+ Ex-capa da Playboy é presa acusada de tráfico de drogas em rede de prostituição

+ Com bumbum à mostra, Ivy Moraes filosofa no Instagram

+ Saiba por que as farmacêuticas vêm testar vacinas no Brasil

+ Namorada de Marco Verratti exibe fotos sensuais

+ Lívia Andrade posa de fio dental

+ Auxílio emergencial: Caixa credita hoje parcela para nascidos em janeiro

+ Google permite ver animais em 3D com realidade aumentada

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?