Economia

BC revisa de US$ 50,9 bi para US$ 50,7 bi déficit do setor externo de 2019

Crédito: Arquivo/Agência Brasil

O BC anunciou ainda que o Investimento Direto no País (IDP) do ano passado passou de US$ 73,5 bilhões para US$ 69,2 bilhões (Crédito: Arquivo/Agência Brasil)

O Banco Central anunciou nesta quarta-feira, 25, uma série de revisões nas Estatísticas do Setor Externo. Entre os principais resultados, o déficit em conta corrente registrado em 2019 passou de US$ 50,9 bilhões para US$ 50,7 bilhões. Já o Investimento Direto no País (IDP) do ano passado passou de US$ 73,5 bilhões para US$ 69,2 bilhões.

“As revisões ocorrem sob amparo da Política de Revisão das Estatísticas Econômicas Oficiais, publicada em outubro de 2019, que estabelece revisão ordinária anual do balanço de pagamentos e da posição de investimento internacional (PII) nos meses de julho e de novembro”, informou o BC na nota que acompanha a divulgação das estatísticas.

+ Banco Central da África do Sul mantém taxa básica de juros em 3,50%
Guedes diz esperar apoio da Câmara para Banco Central autônomo

As revisões também atingiram os dados referentes a 2020 até setembro. Assim, a atualização promovida nesta quarta pelo BC, com dados até outubro deste ano, já leva em conta as revisões promovidas até setembro.



O detalhamento das revisões está disponível no seguinte endereço na internet: https://www.bcb.gov.br/estatisticas/estatisticassetorexterno

Veja também
+ Casamento de Ana Maria Braga chega ao fim após marido maltratar funcionários, diz colunista
+ Conheça a eficácia de cada vacina no combate à Covid-19
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Lázaro Barbosa consegue fugir de novo da polícia após tiroteio
+ Gracyanne Barbosa dança pole dance com novo visual
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Após processar nora, mãe de Medina a acusa de ter destruído sua casa; veja fotos
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Fondue de chocolate com frutas fácil de fazer
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago