Economia

BC: reunião de Análise de Conjuntura do Copom começou às 15h05

Começou às 15h05 a reunião de Análise de Conjuntura do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central. Participam do encontro desta semana o presidente do BC, Roberto Campos Neto, e sete diretores da instituição – e não oito, como de costume. Isso porque o diretor de Política Monetária, Bruno Serra Fernandes, está com covid-19 e não poderá participar dos encontros presenciais em Brasília. Esta também é a primeira vez que o Copom conta com a participação da nova diretora de Assuntos Internacionais, Fernanda Guardado.

Pela manhã, eles já participaram da reunião de Análise de Mercado. Nesta quarta-feira, 4, Campos Neto e os diretores do BC voltam a ter uma rodada de discussões para definir o novo patamar da Selic (a taxa básica de juros), atualmente em 4,25% ao ano.

De um total de 51 instituições consultadas pelo Projeções Broadcast, 44 esperam pela elevação da Selic em 1,00 ponto, para 5,25% ao ano. Sete casas aguardam aumento de 0,75 ponto porcentual, com a Selic chegando a 5,00%. Para o fim de 2021, a mediana das projeções indicam uma Selic a 7,0% e, para o fim de 2022, em 7,25%.



Veja também
+ Até 2019, havia mais gente nas prisões do que na bolsa de valores do Brasil
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Veja quanto custa comer nos restaurantes dos jurados do MasterChef
+ Leilão de carros e motos tem desde Kombi a Nissan Frontier 0km