Economia

Bancos chineses advertem sobre qualidade de ativos após choque da pandemia

Alguns dos maiores bancos da China e uma importante gestora de ativos têm advertido sobre riscos à qualidade dos ativos no setor financeiro do país em 2021, após a pandemia da covid-19 ter enfraquecido a economia e elevado os níveis de empréstimo tanto para residentes quanto para empresas.

O Bank of Communications afirma esperar riscos “agravados” em alguns setores, enquanto o ICBC, maior banco do mundo em ativos, afirmou que estenderá prazos no pagamento de dívidas para empresas com dificuldade de refinanciamento.

Já a China Cinda, que compra dívidas em dificuldades, também prevê um número crescente de entidades e ativos com dificuldades de pagamento em 2021, além de esperar riscos no mercado financeiro como defaults de bônus e também que se intensifique o fechamento de capital de algumas empresas.



Veja também
+ Até 2019, havia mais gente nas prisões do que na bolsa de valores do Brasil
+ Geisy reclama de censura em rede social: “O Instagram tá me perseguindo”
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Nicole Bahls já havia sido alertada sobre infidelidade do ex-marido
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago