Giro

Banco Safra doa R$ 5 mi para ajudar ampliação de produção da vacina coronavac

O Banco Safra doou R$ 5 milhões para ajudar a ampliar a capacidade de produção da vacina coronavac, produzida pelo Instituto Butantã em parceria com farmacêutica chinesa Sinovac.

Segundo nota do banco, a ampliação da fábrica de vacinas terá custo de R$ 97 milhões. As obras começam em novembro e devem ser concluídas em 2022, quando se atingirá plena capacidade.

O Safra também informa que o Instituto Butantã prevê produzir 46 milhões de doses da vacina até dezembro e outras 15 milhões até março. O objetivo é chegar a 100 milhões de doses, que serão distribuídas pelo SUS para todo o País, diz o banco.

Hoje, o Instituto Butantã informou que os testes brasileiros conduzidos em parceria com a Sinovac mostram que o imunizante o mais seguro entre todos os que estão em fase final de testes no mundo por apresentar o menor índice de efeitos colaterais. Contudo, os testes de eficácia da vacina só devem sair no fim do ano.



Veja também
+ Até 2019, havia mais gente nas prisões do que na bolsa de valores do Brasil
+ Geisy reclama de censura em rede social: “O Instagram tá me perseguindo”
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Nicole Bahls já havia sido alertada sobre infidelidade do ex-marido
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago