Ciência

Bahia identifica variante peruana de coronavírus

Crédito: Pixabay

Trata-se da linhagem peruana C.14, que foi introduzida no Estado a partir de um viajante que aportou em Salvador de navio, em fevereiro (Crédito: Pixabay)

O Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (Lacen) identificou mais uma cepa do novo coronavírus em circulação pelo Estado. Trata-se da linhagem peruana C.14, que foi introduzida no Estado a partir de um viajante que aportou em Salvador de navio, em fevereiro.

Desde o começo da pandemia, o instituto já identificou 13 diferentes linhagens do vírus. Segundo o Lacen, essa variedade provavelmente está vinculada a múltiplos eventos de importações ocorridos simultaneamente e que justificam o alto número de infecções registradas no Estado.

+ Vacina da Moderna contra cepa sul-africana está pronta para teste (empresa)
+ Estado do Rio registra 171 mortes e 3.908 novos casos de covid em 24h

Os estudos indicam que o número de linhagens circulantes mudou com o tempo desde a identificação da linhagem B.1.1.162, a primeira confirmada por testes de sequenciamento genético em fevereiro de 2020, marcando a introdução primária de casos importados da Europa.

Em janeiro de 2021, foram também detectadas no Estado as novas variantes do SARS-CoV2 recentemente identificadas no Brasil, sendo elas a variante P.1 e P.2 isoladas pela primeira vez no Norte e no Sudeste do País.

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel