Tecnologia

Ataques cibernéticos podem ter causado muitas mortes em hospitais, diz estudo

Crédito: Arquivo / Agência Brasil

A pesquisa mostra que, das empresas que sofreram ataques, 20% acreditam que mais pacientes morreram por conta das invasões (Crédito: Arquivo / Agência Brasil)

Os hospitais e pontos de atendimento de saúde são as novas vítimas de ataques de ransomware, com os criminosos bloqueando as máquinas dos pacientes até receberem um resgate. Uma pesquisa da empresa de segurança Censinet mostra que, das empresas que sofreram ataques, 20% acreditam que mais pacientes morreram por conta das invasões.

A pesquisa, que tem como foco os ataques realizados nos Estados Unidos, ouviu profissionais em 600 instituições. Segundo a pesquisa, um número preocupante é que 40% das instituições entrevistadas foram atacadas. Além disso, quase 70% afirmaram que os ataques levaram a atrasos nos testes e em dar alta a pacientes.

+ EUA vão impor sanções contra corretora de criptomoedas após ataques ransomware

Em entrevista ao The Verge, o CEO da Censinet, Ed Gaudet, disse que o impacto do ransomware no atendimento ao paciente já é grande o suficiente para ser inegável. “Não devemos ter medo de olhar para esses dados e continuar insistindo nessa questão. Temos que tentar resolver o problema. Mesmo que seja apenas um por cento ou meio por cento”, completa.



No geral, mais da metade dos grupos de saúde que responderam à pesquisa disseram que não estavam confiantes de que suas organizações poderiam lidar com os riscos de ataques de ransomware. Para Gaudet, a indústria médica ainda é relutante em considerar o impacto dos ciberataques pelo medo de manchar sua reputação.

Veja também
+ Até 2019, havia mais gente nas prisões do que na bolsa de valores do Brasil
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Veja quanto custa comer nos restaurantes dos jurados do MasterChef
+ Leilão de carros e motos tem desde Kombi a Nissan Frontier 0km