Tecnologia

Ataque de hackers a empresa do setor aéreo expõe dados de passageiros no Brasil

Crédito: Divulgação - Latam

A Latam informou que parte dos membros de seu programa de fidelidade, o Latam Pass, teve seus dados vazados em um ataque hacker sofrido pela Sita (Crédito: Divulgação - Latam)

Um ataque de hackers atingiu os dados de passageiros brasileiros. A companhia aérea Latam informou na noite de sexta-feira (14) que parte dos membros de seu programa de fidelidade, o Latam Pass, teve seus dados vazados em um ataque hacker sofrido pela multinacional Sita, que presta serviços de tecnologia da informação ao setor aéreo.

De acordo com O Globo, a Gol e a Azul também teriam parcerias com a Sita, ao menos para despacho automático e para voos de voos.



+ Aeroportos dos EUA registram recorde de passageiros desde o início da pandemia

A Sita reportou o ataque na semana passada. Dados como número de bilhetes, reservas, cartões de crédito, contas bancárias, número do passaporte, e-mail e senhas não teriam sido afetados, no entanto, a companhia recomenda que as senhas sejam trocadas periodicamente pelos usuários.

A Sita já teria adotado medidas para mitigar o impacto. Segundo O Globo, a multinacional de tecnologia atua em mais de 1.000 aeroportos e diz cobrir mais de 90% dos destinos globais.

+ Especialista revela o segredo dos bilionários da bolsa. Inscreva-se agora e aprenda!