Edição nº 1134 19.08 Ver ediçõs anteriores

As ambições do GuiaBolso

As ambições do GuiaBolso

Depois de conquistar 4 milhões de usuários em busca de planejamento financeiro, o GuiaBolso, uma das 50 fintechs mais inovadoras do mundo de acordo com a consultoria KPMG e que recebeu aportes de R$ 240 milhões, pretende entrar em um novo nicho de mercado. “Estamos estudando a entrada na área de cartões de crédito e também de investimentos. A ideia é aconselhar os clientes e oferecer produtos de parceiros”, diz Thiago Alvarez, CEO e cofundador da startup. Essa não seria a primeira iniciativa da companhia em um segmento diferente de sua origem. No início do ano passado, a empresa de tecnologia criou a Just, uma plataforma de crédito pessoal, para emprestar dinheiro aos usuários da plataforma GuiaBolso que estão endividados, principalmente no cheque especial e no rotativo do cartão de crédito. Desde então, a companhia já emprestou mais de R$ 200 milhões – fruto de captações de R$ 220 milhões de dois FIDCs criados pela companhia.

(Nota publicada na Edição 1056 da Revista Dinheiro, com colaboração de: Machado da Costa, Márcio Kroehn e Vera Ondei)


Mais posts

Que tiro foi esse?

Se existe um presidente de empresa feliz da vida no Brasil, esse é Salesio Nuhs, CEO da fabricante de armas Taurus. As vendas cresceram [...]

Do turismo ao imóvel

O empresário Valter Patriani, cofundador da agência de viagens CVC, ao lado de Guilherme Paulus, vendeu recentemente sua participação [...]

A moda do cacau saudável

No início de 2017, surgiu no mercado a Dengo Chocolates, marca do empresário Guilherme Leal, cofundador da Natura, com a proposta de [...]

Na carona dos investimentos

A Valemobi, empresa de tecnologia para o mercado financeiro, vai apostar no TradeMap, uma plataforma digital que se propõe a conectar [...]

Tudo que reluz

O mercado de gemas e metais preciosos defende uma simplificação dos tributos que incidem sobre as joias, com a Reforma Tributária. Por [...]
Ver mais