Ciência

Apple afirma que devolução de € 13 bilhões exigida pela UE desafia senso comum

Apple afirma que devolução de € 13 bilhões exigida pela UE desafia senso comum

(Arquivo) O presidente executivo da Apple, Tim Cook, durante uma conferência na Califórnia - AFP/Arquivos

A Apple afirmou, nesta terça-feira, à justiça europeia que a decisão de Bruxelas de exigir que a empresa devolva à Irlanda 13 bilhões de euros (14,3 bilhões de dólares) de vantagens fiscais desafia a “realidade e o senso comum”.

“A Apple paga seus impostos e entende a importância de fazer isto. Pensamos que a Apple é a maior contribuinte do mundo”, afirmou o representante da gigante do setor de tecnologia, que apresentou ao Tribunal Geral da União Europeia em Luxemburgo os argumentos da empresa contra a decisão da Comissão Europeia, publicada em agosto de 2016.