Investidores

Após demissão de Pedro Parente, ações da Petrobrás caem

O pedido de demissão de Pedro Parente da presidência da Petrobras está estressando os mercados. O impacto maior é na ação da companhia, que entrou em leilão, após ordens para limitar perdas na Bovespa. Logo após a notícia, o papel da companhia no exterior (ADR) perdia 15% em NY.

Nas mesas de operações, os investidores avaliam que o tamanho das concessões feitas pelo governo e a consequente demissão de Pedro Parente mostram a fraqueza do governo e temem que isso se estenda a outros segmentos da economia. Depois da informação do pedido de demissão de Parente, a Bovespa, que operava em alta, inverteu o sinal. A perspectiva é que a bolsa acelere a queda após o fim do leilão das ações da Petrobras.

Tópicos

Petrobras