Giro

Anvisa recomenda suspensão provisória da temporada de navios de cruzeiro

Crédito: Arquivo/Agência Brasil

Após investigações epidemiológicas pela Agência e pelas autoridades de saúde locais, dois navios tiveram suas atividades interrompidas nesta sexta (31) (Crédito: Arquivo/Agência Brasil )



Diante do aumento repentino de casos de infecção por Covid-19 detectados nas embarcações que operam cruzeiros marítimos ao longo da costa brasileira e tendo em vista os dados epidemiológicos nacionais e mundiais, especialmente sobre o aparecimento e a transmissão em território nacional da variante Ômicron, a Anvisa recomendou ao Ministério da Saúde, nesta sexta-feira (31), a suspensão provisória da temporada de navios de cruzeiro, em caráter preventivo, até que haja mais dados disponíveis para avaliação do cenário epidemiológico.

+ Navio MSC Splendida também interrompe cruzeiro após surto de covid-19

Após investigações epidemiológicas realizadas pela Agência e pelas autoridades de saúde locais, dois navios tiveram suas atividades interrompidas ao longo desta sexta-feira: o Costa Diadema, que estava atracado em Salvador (BA), e o MSC Splendida, que está no Porto de Santos (SP).

A recomendação da Anvisa segue o disposto na Lei 13.979/2020, que definiu que as medidas de restrição excepcional e temporária para entrada no país, por rodovias, portos ou aeroportos, e de locomoção interestadual são de competência conjunta dos Ministros de Estado da Saúde, da Justiça e Segurança Pública e da Infraestrutura e que a adoção da medida deve ser precedida de recomendação técnica e fundamentada da Agência.



A agência destaca que a retomada das operações dos navios de cruzeiro para a temporada de 2021/2022 foi prevista em cenário epidemiológico anterior à notificação mundial sobre a identificação da nova variante de preocupação, a Ômicron, que foi relatada pela primeira vez à Organização Mundial da Saúde (OMS) no dia 24 de novembro.

Os dados disponíveis até o momento apontam que a variante Ômicron tem o potencial de se espalhar mais rápido do que outras variantes e que pode contornar parte da proteção imunológica de vacinas e casos anteriores de Covid-19.

A Anvisa lembrou ainda que o CDC (Centers for Disease Control and Prevention – Centro de Controle e Prevenção de Doenças) dos Estados Unidos atualizou o nível de alerta “COVID-19 Travel Health Notice” de 3 para 4, o nível mais alto possível, o que reflete o aumento de casos a bordo de navios de cruzeiro desde a identificação da variante Ômicron.


A recomendação da Anvisa também considerou que, mesmo diante da elaboração de Planos de Operacionalização para a retomada da temporada de cruzeiros no âmbito dos municípios e estados, estabelecendo as condições para assistência em saúde dos passageiros desembarcados em seus territórios e para execução local da vigilância epidemiológica ativa, na prática têm sido observadas dificuldades impostas pelos entes locais diante da necessidade de eventuais desembarques de casos positivos para Covid-19 em seus territórios.

A manifestação da Agência foi pautada no princípio da precaução, ao priorizar o impedimento da ocorrência de agravo à saúde pela adoção das medidas necessárias à sua proteção.

A recomendação encaminhada pela Anvisa não afeta, por ora, as operações de navios de cruzeiro. Até decisão final do grupo de ministros, as operações seguem, como regra geral, autorizadas, submetidas às regras sanitárias vigentes e sob supervisão da Agência, que pode atuar – como vem atuando – para fazer cumprir os protocolos e proteger a saúde das pessoas.

 







Tópicos

3ª dose astrazenca protege ômicron 45 milhão de infectados ações azul Gol coronavírus nova variante aéreas americanas afetadas por contaminação de funcionários África do Sul nova variante Namíbia Lesoto Zimbábue Botsuana Eswatini Agência Nacional de Vigilância Sanitária Anvisa apagão dos dados astrazeneca dose de reforço ômicron ataque hacker atualização dos registros B3 ações nova variante Balneário Camboriú Bolsas Ásia Bolsas china Brasil brasileiro testa positivo áfrica do sul cepa omicron china confina 500 mil pessoas ômicron China surto ômicron Cidade china milhões de teste Coronavac eficácia ômicron coronavírus CORONAVÍRUS NOVA VARIANTE costa cruzeiros covid covid eua covid europa covid no mundo Covid-19 covid-19 inverno crescimento da variante ômicron crescimento econômico cruzeiro passageiros covid flórida Delta dose de reforço eficácia das vacinas eficacia das vacinas do covid Estados Unidos europa se fecha variante áfrica do sul exame covid faixa etaria vacina covid sp Festival cancelado ômicron imunização Inglaterra Instituto Butantan Israel nova variante Itália Japão suspende reservas voos lentidão vacinação Rússia lockdown medidas preventivas de restrição melhor vacina covid ministério da economia nova cepa variante ômicron Ministério da Saúde MSC cruzeiros município do Rio mutações nova variante Navios chegam a Santos com infectados nome das vacinas do covid nova cepa nova cepa impacto economia brasileira nova cepa omicron nova variante nova variante 2021 Nova variante África do Sul Nova fronteiras nova variante áfrica do sul tem vacina? Nova variante covid África do Sul nova variante da covid-19 nova variante delta nova variante do coronavírus Nova Variante EUA lockdown Fauci nova variante EUA restrições nova variante quatro continentes novo coronavírus novo virus omicron número de novos casos de covid-19 o que se sabe ocupantes do navio ômicos casos confirmados ômicro menos grave que delta omicrom omicron ômicron 25 de dezembro 2021 ômicron afeta voos nos Estados Unidos omicron alfabeto grego Ômicron ameaça ômicron Argentina primeiro caso ômicron cancelamento carnaval ômicron caso São Paulo infecção local ômicron casos Brasil ômicron casos são Paulo Ômicron confirmada no Distrito Federal Ômicron contágio ômicron coronavac omicron covid Ômicron DF Ômicron Distrito FEderal ômicron duas doses bastam? Ômicron dose de reforço 3ª dose ômicron eficácia vacinas ômicron empresas aéreas ômicron Estados Unidos Anthony Fauci ômicron estudo ômicron estudo Imperial College ômicron estudo vacinas Ômicron EUA ômicron festas de réveillon ômicron flexibilização São Paulo Ômicron fronteiras ômicron hospitalização delta estudo ômicron impacto mercados financeiros ômicron Itália ômicron Lufthansa corta voos ômicron moderna vacina ineficazes ômicron mutação Ômicron mutações ômicron nova linhagem Ômicron nova variante ômicron nova versão ômicron OMS ameaça mundial Ômicron onde surgiu Ômicron países já atingidos Ômicron poder de infecção ômicron presença países ômicron primeira morte reino Unido ômicron propagação ômicron reforço ômicron reino unido ômicron restrições europa natal fim de ano viagens ômicron restrições frança ômicron restrições natal ômicron são Paulo Máscaras omicron significado grego omicron sintomas ômicron transmissão local ômicron vacinação ômicron vacinas ômicron vacinas dão conta? ômicron volatilidade ações bolsas ômicron volta restrições brasil ômicron voos cancelados ômicron voos estados unidos Ômicron voos europa Ômicron voos países africanos Ômicronimpacto atividade econômica organização mundial da saúde Organização Mundial da Saúde (OMS) para o combate à Covid-19 David Nabarro Organização Pan-Americana da Saúde Our World in Data pandemia pandemia no brasil pcr covid Pfizer pfizer omicron plataforma de dados plataformas do Ministério da Saúde pode tomar a vacina do covid gripada? por que o ano novo em salvador foi cancelado? por que se comemora o ano novo presidente da Comissão Europeia Ursula von der Leyen variante áfrica do sul programas auxílio nova cepa progresso da variante delta proteína spike quais os sintomas da nova variante delta quais os sintomas da nova variante Ômicron quais os sintomas da variante delta? qual é o primeiro país a entrar no ano novo? qual é o significado do ano novo qual melhor vacina contra covid? qual melhor vacina covid quanto tempo o covid fica no corpo? quinta onda Covid Recife réveillon Rússia confinamento Rússia recorde de casos Rússia recorde de mortes Santa Catarina Secretaria Municipal de Saúde de Balneário Camboriú situação nos cruzeiros um milhão de casos no mundo um milhão de casos no mundo em um dia um milhão de novos casos no mundo uso de máscaras vacina vacinação vacinal variante variante áfrica do sul variante áfrica do sul ações bola variante áfrica do sul contágio variante áfrica do sul defesa variante África do Sul disseminação variante áfrica do sul eficácia vacinas variante África do Sul Europa variante África do Sul fronteiras variante áfrica do sul impacto bolsas variante África do Sul imunizantes variante áfrica do sul países variante África do Sul países atingidos variante África do Sul pesquisa variante áfrica do sul presença variante áfrica do sul vacinas variante B.1.1.529 África variante B.1.1.529 África do Sul muitas mutações variante coronavirus variante covid-19 variante delta Variante delta 2021 Variante delta Auckland variante delta austrália variante delta brasil Variante delta como testar Variante delta eficácia variante delta mais letal variante delta Nova Zelãndia variante delta países Variante delta rio variante delta Sao Paulo variante delta sintomas Variante delta vacinas variante delta volta variante omicron variante Ômicron no rio variante Ômicron Rio de Janeiro variante omicron sintomas variante omicron vacina vírus —Nenhum Comentário Publicado 29/1