Ciência

Anvisa identifica primeiro caso de fungo fatal e resistente a remédios no Brasil

Crédito: Arquivo/Agência Brasil

O fungo emergente representa uma grave ameaça à saúde global e foi identificado pela primeira vez como causador de doença em humanos em 2009, no Japão (Crédito: Arquivo/Agência Brasil)

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) emitiu um alerta nesta segunda-feira (7) sobre a identificação de um possível paciente com Candida auris, um fungo super resistente a medicamentos e que pode levar à morte de 30% a 60% dos infectados.

De acordo com a Anvisa, o fungo emergente representa uma grave ameaça à saúde global e foi identificado pela primeira vez como causador de doença em humanos em 2009, no Japão.

+ Doença misteriosa na Índia deixa rastros de metal no sangue
+ Rússia anuncia que Índia produzirá mais de 100 milhões de doses de sua vacina contra covid-19

No Brasil, não havia relato de nenhum caso de infecção pelo fungo, mas nesta segunda-feira foi notificado à Anvisa o possível primeiro caso positivo em paciente internado em UTI adulto em hospital do Estado da Bahia.

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel