Economia

Anac reajusta taxas de armazenagem e capatazia de aeroportos concedidos

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) reajustou o teto de tarifas aeroportuárias de aeroportos concedidos à iniciativa privada, conforme portarias publicadas no Diário Oficial da União (DOU). O reajuste alcança os valores das cobranças e tarifas mínimas de armazenagem e capatazia nos aeroportos de São Gonçalo do Amarante (RN), Brasília (DF), Guarulhos (SP), Galeão (RJ), Confins (MG), Florianópolis (SC), Fortaleza (CE), Porto Alegre (RS) e Salvador (BA). O maior reajuste foi aplicado às taxas dos terminais de Brasília e Guarulhos. O tamanho do aumento ficou menor nos aeroportos de Florianópolis, Fortaleza, Porto Alegre e Salvador.

Veja também

+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos

+Conheça os 42 anos de história da picape Mitsubishi L200

+ Remédio barato acelera recuperação de pacientes com covid-19

+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

+ Avaliação: Chevrolet S10 2021 evoluiu mais do que parece

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?