Negócios

American Airlines e Lufthansa suspendem parte dos voos para a China

A American Airlines e a Lufthansa suspenderam parte de seus voos para a China, à medida que o novo tipo de coronavírus de Wuhan se espalha e a demanda por essas rotas cai drasticamente. A American Airlines cancelou voos de Los Angeles para Xangai e Pequim até 27 de março. Já a Lufthansa informou que está suspendendo seus voos para a China continental até 9 de fevereiro, mas manterá voos para Hong Kong.
American Airlines
A empresa aérea alemã disse que três de suas companhias – Lufthansa, Swiss e Austrian Airlines – voarão uma última vez para seus respectivos destinos na China antes de suspender suas operações.

“Por razões operacionais, a aceitação de reservas de voos para a China continental será suspensa até o final de fevereiro”, afirmou a Lufthansa, argumentando que o número de pessoas infectadas pelo novo vírus na China já ultrapassou o da Síndrome Respiratória Aguda Grave (SARS), que atingiu o país em 2002 e 2003.

Mais cedo, outras duas companhias aéreas, e British Airways, anunciaram decisão de suspender rotas para a China.

* Com informações da Dow Jones Newswires.

Veja também

+ Quarta parcela do auxílio sai hoje (14) para os nascidos em agosto

+ Cunhado de Maradona morre de Covid-19 na Argentina

+ Nazistas ou extraterrestres? Usuário do Google Earth vê grande ‘navio de gelo’ na costa da Antártida

+ Avaliação: Chevrolet S10 2021 evoluiu mais do que parece

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Carol Nakamura anuncia terceira prótese: ‘Senti falta de seios maiores’

+ Ex-Ken humano, Jéssica Alves exibe visual e web critica: ‘Tá deformada’

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?