Negócios

Amazon pretende abrir nova rede de mercados ainda em 2019

O objetivo da empreitada é rivalizar com o Walmart, líder no setor de supermercados nos Estados Unidos. Para isso, a Amazon pretende abrir a primeira loja de sua nova cadeia antes do final de 2019

Crédito: AP Photo/Ted S. Warren, File

Mirando aumentar sua participação no setor de varejo físico de alimentos, a Amazon tem planos de abrir uma nova rede de supermercados ainda em 2019. O plano de expansão é agressivo, com o objetivo de em um primeiro momento, abrir dezenas de lojas nas cidades de Los Angeles, San Francisco, Seattle, Washington e Filadélfia.

A gigante do e-commerce já tem duas duas empresas no setor: Whole Foods, cadeia de supermercados focados em produtos naturais e de pequenos empreendedores, cuja aquisição por parte da companhia de Jeff Bezos custou US$ 13,7 bilhões em 2017, e a Amazon Go, cadeia de lojas de conveniência sem caixas eletrônicos.

O objetivo da empreitada é rivalizar com o Walmart, líder no setor de supermercados nos Estados Unidos. Para isso, a Amazon pretende abrir a primeira loja de sua nova cadeia antes do final de 2019, em Los Angeles, e já assinou contrato para pelo menos dois outros estabelecimentos planejados para entrar em funcionamento no início de 2020.

O plano da Amazon é criar uma rede que não rivalize com a Whole Foods. Para fortalecer a nova rede de mercados, a Amazon pretende realizar aquisições de redes regionais de pelo menos 12 lojas, como uma maneira de aproveitar operações de logística já estabelecidas.