Edição nº 1108 15.02 Ver ediçõs anteriores

Alta do dólar: a culpa é dos EUA ou do Brasil?

Nesta edição do “Descomplicando a Economia”, da TV Dinheiro, nós analisamos os fatores que estão impulsionando o dólar. Nos Estados Unidos, há uma expectativa de que o Federal Reserve (Banco Central) eleve os juros numa intensidade maior do que a prevista pelos analistas do mercado financeiro. Isso pode ocorrer por causa do superaquecimento da economia provocado pela gestão populista de Donald Trump.

No entanto, é ano eleitoral no Brasil e o risco político tende a gerar muitas especulações no mercado de câmbio. Eis a pergunta de um trilhão de dólares: é a hora de comprar dólar? Acompanhe o vídeo a seguir:


Mais posts

Na economia, o “ignorante” Boechat sempre foi a voz do consumidor oprimido

Boechat também jamais deixou de dar os seus pitacos nos assuntos econômicos. Ao disparar alguma crítica ácida, sempre salientava que [...]

Paulo Guedes seria um Tite na CBF?

Olá, pessoal, tudo bem? Nunca gostei muito de criar analogias entre a economia e o futebol, mas vou abrir uma exceção. O início da [...]

Menos Brasília, Bolsonaro! E menos RJ, MG, RS, SP…

Olá, pessoal, tudo bem? Das poucas coisas positivas do período eleitoral, eu gostaria de destacar um slogan utilizado pelo então [...]

Crescer o dobro em 2019 é muito otimismo?

Olá, pessoal, tudo bem? Hoje, eu gostaria de conversar sobre o crescimento econômico do Brasil. Depois da tragédia no biênio 2015-2016 [...]

O “dream team” de Bolsonaro na Economia

Das poucas coisas esclarecedoras que o período eleitoral nos proporcionou foi a nomeação antecipada do ultraliberal Paulo Guedes para [...]
Ver mais
X

Copyright © 2019 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicaçõs Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.