Política

Aliados crêem que Bolsonaro deixará hospital até sábado

Aliados do candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL) creem que o candidato deve deixar o hospital Albert Einstein até o sábado, 29. Segundo o senador Magno Malta (PR), que participou de um evento para a comunidade evangélica nesta quinta-feira, 27, na capital paulista, o capitão reformado do Exército já retirou os pontos externos da cirurgia a que foi submetido depois de tomar uma facada em Juiz de Fora (MG).

De acordo com Malta, no entanto, Bolsonaro não deve ter condições de sair já nesta sexta-feira, 28, como chegou-se a aventar.

O deputado Major Olímpio (PSL-SP), por sua vez, disse que a palavra final é da equipe médica e ninguém pretende atropelar as coisas e arriscar uma recaída, mas disse que “até sábado” ele deve deixar o hospital.