Sustentabilidade

Alemanha enviará alertas por celular sobre futuras enchentes

Alemanha enviará alertas por celular sobre futuras enchentes

Rastro de destruição deixado pelos temporais em Bad Neuenahr-Ahrweiler, no oeste da Alemanha, em 16 jul. 2021 - AFP

A Alemanha emitirá no futuro alertas por celular para informar aos cidadãos sobre perigos iminentes, declarou nesta segunda-feira (26) o ministro do Interior, Horst Seehofer, depois que as recentes inundações mortais geraram a retomada dos sistemas de alerta.

“Nem todos se mostraram entusiasmados com a ideia nos últimos meses. Mas decidi que vamos a fazer isso. (…) Não há nenhum argumento razoável contra”, disse Seehofer no Parlamento.

Ao menos 180 pessoas morreram por causa das graves inundações que arrasaram o oeste da Alemanha durante dois dias em meados de julho e que levantaram críticas sobre o sistema de alerta de antecedência aos moradores.

Cerca de 70 pessoas continuam desaparecidas depois que torrentes de água inundaram cidades e aldeiras inteiras, destruindo pontes, estradas, rodovias e casas.



Na semana passada, a porta-voz do governo, Martina Fietz, declarou que o sistema de alerta meteorológico do país e o aplicativo para celulares Nina “funcionaram”, mas admitiu que “nossa experiência com esta catástrofe demonstrou que temos que fazer mais e melhor”.

Os alertas serão enviados mediante uma tecnologia conhecda como “cell broadcast”, que permite às autoridades locais enviarem mensagens a vários usuários de celulares em uma área determinada simultaneamente.

Veja também
+ Até 2019, havia mais gente nas prisões do que na bolsa de valores do Brasil
+ Geisy reclama de censura em rede social: “O Instagram tá me perseguindo”
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Nicole Bahls já havia sido alertada sobre infidelidade do ex-marido
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago