Negócios

Airbnb Luxe oferece castelos medievais, ilhas paradisíacas e vilas inteiras

Segundo empresa, a procura por espaços com diárias acima de US$ 1 mil cresceu 60% no último ano, impulsionando a criação de um site exclusivo para este seleto grupo de clientes

Airbnb Luxe oferece castelos medievais, ilhas paradisíacas e vilas inteiras

Atualmente a listagem inclui espaços de alto padrão em todo o mundo, como Londres, Los Angeles e Sydney

O Airbnb revolucionou o mercado hoteleiro ao facilitar o aluguel de quartos para viajantes de todo o mundo a preços acessíveis. Agora, a rede criada em 2008 dá um passo além e começa a oferecer hospedagem em castelos medievais na Europa, ilhas paradisíacas no Caribe, uma vila medieval inteira no interior da Itália, entre outros imóveis de elevadíssimo padrão.

Esta é a proposta do Airbnb Luxe, com opções que chegam à casa do US$ 1 milhão. Segundo a empresa, o novo serviço oferece mais de dois mil imóveis, entre casas, castelos, apartamentos e afins, aprovadas em critérios com mais de 300 itens.

Apesar de manter em catálogo uma vila medieval inteira em Buonconvento, na Itália, por US$ 23.140 a noite, ou uma casa na praia mexicana de Punta Mita por US$ 60.410, o Airbnb Luxe tem uma base mais acessível, com média de US$ 2 mil por dia. Atualmente a listagem inclui espaços de alto padrão em todo o mundo, como Londres, Los Angeles e Sydney.

“Com o Airbnb Luxe estamos aplicando a mesma abordagem que usamos desde que lançamos o Airbnb há mais de 11 anos – criando momentos de viagem locais, autênticos e mágicos agora em lugares incríveis para ficar – para reimaginar o modo como as pessoas pensam e vivenciam viagens de luxo”, afirmou o co-fundador e CEO do Airbnb, Brian Chesky.

Esta é a primeira investida do Airbnb no mercado de alto padrão desde a aquisição do site de viagens de luxo Retreats Luxury, em 2017. Segundo a empresa, a procura por espaços com diárias acima de US$ 1 mil cresceu 60% no último ano, impulsionando a criação de um site exclusivo para este seleto grupo de clientes.

O movimento parece estar em sintonia com o mercado: de acordo com um relatório publicado em fevereiro pela Analytical Research Cognizance, o mercado global de viagens de luxo deverá passar dos US$ 5,2 bilhões neste ano para somar quase  US$ 8,5 bilhões até 2024.

 

Tópicos

Airbnb