Economia

África do Sul piora projeção para déficit orçamentário no atual ano fiscal

O governo da África do Sul deve registrar um déficit orçamentário de 4% do Produto Interno Bruto (PIB) no ano fiscal que termina em 31 de março, afirmou o novo ministro das Finanças do país, Tito Mboweni, nesta quarta-feira. A nova meta é superior à anterior, de 3,6% do PIB para o ano fiscal 2018-2019 e deve ser avaliada com atenção pela Moody’s, última das grandes agências de rating a atribuir grau de investimento à dívida do país.

O governo local citou o crescimento mais lento que o esperado e problemas na receita tributária. Ex-presidente do BC, Mboweni afirma agora que o país deve crescer 0,7% neste ano, bem menos que o 1,5% projetado em fevereiro, mas ainda acima da projeção da Moody’s de 0,5% divulgada no mês passado. Em 2019 e 2020, o crescimento deve ser de 1,7% e 2,1%, respectivamente, segundo o governo, quando em fevereiro se projetavam altas de 1,8% e 2,1%. Fonte: Dow Jones Newswires.

Veja também

+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos

+Conheça os 42 anos de história da picape Mitsubishi L200

+ Remédio barato acelera recuperação de pacientes com covid-19

+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

+ Avaliação: Chevrolet S10 2021 evoluiu mais do que parece

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?