Negócios

AES Tietê: Cade aprovou compra da 1ª fase do Complexo Eólico Cajuína, no RN

A AES Tietê informou que operação aprovada pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), divulgada nesta sexta-feira, 25, em despacho no Diário Oficial da União (DOU), se refere à primeira fase do Complexo Eólico Cajuína, com 1,1 mil MW e localizado no Rio Grande do Norte.

O documento disponibilizado pelo Cade em seu site gerou a interpretação de que a geradora havia firmado a compra de um outro complexo eólico da Casa dos Ventos no Ceará, totalizando 420 MW de capacidade, denominado Ventos de Santa Tereza. Em nota, a companhia esclareceu que o referido projeto se refere à primeira fase do complexo greenfield batizado de Cajuína. A menção ao Ceará diz respeito à sede da empresa com a qual o negócio foi fechado.

“Este é mais um importante passo que a AES Tietê dá no caminho de crescer no País 100% renovável, oferecendo aos clientes as melhores soluções em energia limpa. Além disso, o projeto aprovado vai gerar um investimento de mais de R$ 5 bilhões na região”, informou a empresa, por meio de nota.

Veja também

+ Grave acidente do “Cake Boss” é tema de reportagem especial

+ Ivete Sangalo salva menino de afogamento: “Foi tudo muito rápido”

+ Bandidos armados assaltam restaurante na zona norte do RJ
+ Mulher é empurrada para fora de ônibus após cuspir em homem
+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por redução de até 50% na parcela
+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev
+ iPhone 12: Apple anuncia quatro modelos com preço a partir de US$ 699 nos EUA
+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA
+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos
+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’
+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil
+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados
+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020
+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?