Negócios

Ações da Zoom atingem máxima histórica antes de anúncio do 1° trimestre

Crédito: AFP/Arquivos

O Zoom se popularizou durante a pandemia de Covid-19 (Crédito: AFP/Arquivos)

As ações da Zoom atingiram máxima histórica de US$ 205,87 por ação durante o pregão de ontem (1) na Nasdaq. Os papéis da empresa de videochamada encerram o dia com ganhos de 13,75%, sendo negociados a US$ 204,15.

A empresa deve anunciar os resultados do primeiro trimestre nesta terça-feira (2) e a expectativa é de que, com a alta no número de usuários ativos por conta do coronavírus, os números indiquem forte crescimento.

+ Zoom volta a negar fornecimento de dados de internautas ao Facebook
+ Contas hackeadas da Zoom são vendidas em mercado negro da internet

O Zoom agora conta com mais de 300 milhões de usuários ativos em todo o mundo e valor de mercado avaliado em US$ 49 bilhões.

Segundo o Business Insider, analistas indicam que o lucro por ação deva atingir US$ 0,10, mais que o triplo do trimestre anterior e expansão de 66% na receita, atingindo US$ 203 milhões.

Veja também

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por redução de até 50% na parcela
+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev
+ iPhone 12: Apple anuncia quatro modelos com preço a partir de US$ 699 nos EUA
+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA
+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos
+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’
+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil
+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados
+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020
+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?