Economia

ABPO: venda de papelão ondulado cresce 9,6% em junho ante maio

São Paulo, 10 – As vendas de papelão ondulado utilizados em embalagens – caixas, acessórios e chapas – cresceram 9,61% em junho ante maio e 6,21% ante um ano atrás, totalizando 291.837 toneladas, de acordo com dados prévios divulgados pela Associação Brasileira do Papelão Ondulado (ABPO).

Em nota, a entidade ressalta que este é o primeiro resultado positivo após dois meses de queda influenciada pela redução da atividade econômica durante o período da pandemia no Brasil. Entre os meses de junho, o resultado também é superior a todos os anos, com exceção de 2018.

Com um dia útil a mais do que junho do ano anterior (25 dias úteis em junho de 2020 versus 24 dias úteis em junho de 2019), a produção por dia útil cresceu em 2% para 11.673 toneladas.

Considerando os dados livres de influência sazonal, a expedição de papelão ondulado subiu 12% em junho, para 299.098 toneladas, após acumular perdas no bimestre abril-maio.



Em termos trimestrais, o volume expedido no segundo trimestre foi de 865.638 toneladas, 7,8% menor do que o trimestre anterior, nos dados ajustados sazonalmente. Segundo a entidade, este representa o menor resultado trimestral desde o segundo trimestre de 2018.

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel