Economia

Abecs: Bancos dobram para R$ 100 o limite de compras sem uso de senha

Os bancos bateram o martelo e decidiram dobrar o valor para pagamentos com cartão sem senha para R$ 100. O aumento foi aprovado nesta segunda-feira, 6, pela diretoria da Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs), que representa o setor de meios de pagamentos eletrônicos no País.

O Broadcast, sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado antecipou, em 28 de maio, que os bancos tinham chegado a um consenso sobre o valor, que poderia ser, no mínimo, o dobro do limite até então, de R$ 50. Com o novo limite, a entidade espera que as transações por aproximação ganhem escala no comércio em geral.

Trata-se de um antigo pleito dos bancos relacionado à tecnologia contacless (do inglês sem contato), mas que ganhou reforço em meio à pandemia do novo coronavírus. Isso porque as medidas de segurança para impedir a contaminação estimularam o maior uso da tecnologia NFC. No primeiro trimestre, as transações com pagamento por aproximação saltaram 456%, movimentando R$ 3,9 bilhões, conforme a Abecs.

A Associação destaca, em nota à imprensa, que a definição do novo teto representa uma melhoria na experiência do consumidor em relação aos novos hábitos de pagamento, seguindo uma tendência mundial. Na transação por aproximação, basta o cliente aproximar seu dispositivo (cartão, celular, relógio, pulseira) do terminal de pagamento, ambos equipados com a tecnologia NFC, para concluir a compra.

Veja também

+ Caixa libera FGTS emergencial para nascidos em julho nesta segunda-feira (10)

+ Avaliação: Chevrolet S10 2021 evoluiu mais do que parece

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Carol Nakamura anuncia terceira prótese: ‘Senti falta de seios maiores’

+ Ex-Ken humano, Jéssica Alves exibe visual e web critica: ‘Tá deformada’

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?