Giro

A mudança climática está tornando o gelo do inverno mais perigoso

Crédito: Reprodução/Pexels

O maior número de afogamentos ocorreu quando as temperaturas do ar estavam logo abaixo do ponto de congelamento, entre menos 5 graus Celsius e 0 Celsius. (Crédito: Reprodução/Pexels)

Uma nova pesquisa sobre a conexão entre as mudanças climáticas e os afogamentos no inverno descobriu que as mortes relatadas estão aumentando exponencialmente em áreas com invernos mais quentes.

+ Mudança climática agravará eventos extremos na Austrália
+ Mudanças climáticas representam riscos para o mundo financeiro, diz Fed

O estudo analisou afogamentos em 10 países do Hemisfério Norte. O maior número de afogamentos ocorreu quando as temperaturas do ar estavam logo abaixo do ponto de congelamento, entre menos 5 graus Celsius e 0 Celsius.

Nos países estudados, crianças com menos de 9 anos e adolescentes e adultos entre 15 e 39 anos foram os mais vulneráveis ​​a acidentes de afogamento no inverno.

Segundo a autora do estudo, as pessoas nem sempre percebem como o aquecimento global está aumentando os riscos que vêm com as tradições do inverno como patinação, pesca no gelo e snowmobile.

+ Jaguar Land Rover: a luta contra a falta de confiança dos consumidores

Veja também

+ Carreira da Década - Veja como ingressar na carreira que faltam profissionais, mas sobram vagas
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel